Novidades


14/10/2015
Por dentro da Microquimica: Desenvolvimento de Produtos Biológicos
Para uma empresa se manter sempre competitiva no mercado é preciso contar com um departamento responsável por manter o setor produtivo em constante melhoria biotecnológica, nunca abrindo mão da qualidade de seus produtos. Na Microquimica, o responsável por esse processo é o setor de Desenvolvimento de Produtos Biológicos.                                                                                                                                                     
                    Coleta de material durante desenvolvimento de inoculante
 
Para Dayane Alves, supervisora do Controle de Qualidade, o departamento tem o compromisso de formular produtos inovadores, mantendo o alto padrão de qualidade que marcam a história da empresa. “Na Microquimica contamos com pessoas qualificadas e dedicadas, que contribuem para o desenvolvimento de novos processos e produtos baseados em fermentação biológica”.
 
O setor de Desenvolvimento de Produtos Biológicos, que conta também com Natália da Silva, analista de Controle de Qualidade, tem uma estrutura robusta, com equipamentos de alta tecnologia e inteiramente focada no segmento. “Com isso também são feitas melhorias contínuas nos processos já existentes e oferecemos ao cliente final um produto de inteira confiança”, reforça a supervisora.
 
Garantir a segurança e qualidade dos produtos, monitorando todas as etapas dos processos biológicos e com a responsabilidade em desenvolver fertilizantes que atendam todas as expectativas do consumidor é a maneira que a Microquimica encontra para demonstrar seu respeito às lavouras.


Dayane Alves, supervisora de controle de qualidade

Os 12 Princípios da Administração


 A Microquimica adota, desde 1995, essa filosofia que serve de guia para os procedimentos e tomadas de decisão da empresa. Os 12 Princípios foram concebidos e organizados pelo Sr. Kazuo Inamori, empresário natural de Kyoto, no Japão e fundador da empresa Kyocera. A filosofia relaciona os pontos fundamentais para se alcançar um bom desempenho empresarial, tendo como base a clareza de objetivos e controles, desenvolvimento e esforço dos indivíduos e o bem-estar das pessoas.

1 - Definir claramente os objetivos e o sentido do empreendimento. (Os objetivos devem ser rigorosamente imparciais e possuir elevado sentido).
 
2 - Estabelecer metas concretas. (As metas devem ser sempre compartilhadas com todos os funcionários da empresa).
 
3 - Desejar intensamente. (Para alcançar os objetivos, é necessário que os anseios se mantenham intensos, que se alojem no subconsciente).
 
4 - Esforçar-se mais que todos. (Cada passo no trabalho pode ser modesto, mas o avanço deve ser firme e 
infatigável).
 
5 - Maximizar as receitas e minimizar despesas.
 
6 - Definir preço é administrar. (A definição de preços é trabalho da diretoria. Há um único ponto em que o cliente fica satisfeito ao mesmo tempo em que se obtém bom lucro).
 
7 - Na administração, forte determinação é fator decisivo. (Para administrar, é preciso ter forte determinação capaz de remover as mais sólidas barreiras).
 
8 - Espírito de luta. (Para administrar, é preciso muito espírito de luta, mais que em qualquer luta marcial).
 
9 - Enfrentar as situações com coragem. (Não pode haver conduta medrosa, evasiva).
 
10 - Realizar sempre trabalhos criativos. (Trabalhar visando ao contínuo melhoramento, de forma que amanhã tenhamos resultados melhores que hoje e depois de amanhã melhores que amanhã). 
 
11 - Altruísmo e lealdade.
 
12 - Administrar sempre com espírito franco, bem disposto e construtivo, alimentando sonhos e desejos.                          
(Preceitos da Seiwajyuku do Brasil - www.seiwajyukudobrasil.com.br)
Veja mais fotos: